Acesso ao parque

O acesso a unidade é realizado em duas etapas. Inicialmente via terrestre pela Br-364, partindo de Rio Branco até Manoel Urbano, em um trecho de 222 km despendendo cerca de 3 h 44 min. Ao longo do trecho há um ponto de parada no município de Sena Madureira para beber água, realizar lanches e outras necessidades. Chegando em Manoel Urbano as embarcações são acessadas em dois pontos a depender da época do ano, sendo um na ponte sobre o rio Purus, no período de estiagem, e outro no porto do município de Manoel Urbano no período de cheia.

Rota de viagem para chegar ao PE Chandless (delimitado em vermelho). Iniciando a viagem na cidade de Rio Branco-Acre, percorrendo o trecho via BR 364 (em azul escuro) até a cidade de Manoel Urbano. A partir de Manoel Urbano se toma o trecho fluvial pelo rio Purus até o rio Chandless (trecho em tom de azul mais claro).

O deslocamento por via fluvial se dá partindo da cidade de Manoel Urbano pelo rio Purus, seguindo para o rio Chandless, afluente do rio Purus. O trajeto tem 232 km de extensão, com duração variável a depender da embarcação utilizada. A utilizar embarcações com motores 40 hp, são dispendidos cerca de 7 a 8 h de viagem, a depender da carga do barco. As embarcações possuem cobertura e banco acolchoados. Há embarcações com motores de 13 hp, geralmente utilizado para dar apoio no período de estiagem, no qual é inviável o deslocamento de motores maiores no rio Chandess. Partindo de Manoel Urbano são de 12 a 15 horas de viagem. Prestando apoio na foz do rio Chandless são gastas 2.5 h navegando. A ultima embarcação de grande porte, é mais destinada para cargas, no entanto o transporte de pessoas também é viável, o tempo de deslocamento gira em torno de 2.5 dias a depender dos níveis das águas.

Uma rota alternativa aérea é possível com avião fretado, as opções de saída são de Rio Branco (1h10min) ou Manoel Urbano (45 min). O acesso e autorização para entrada no PEC está condicionado a autorização da gestão do parque.